Arquivos de tag para “airlines”

O que uma petúnia pensou enquanto caia em queda livre?

…”Ah, não, outra vez!” Sim, estou citando O Guia do Mochileiro das Galáxias: “Curiosamente, a única coisa que passou pela mente do vaso de petúnias ao cair foi: Ah, não, outra vez!  Muitas pessoas meditaram sobre esse fato e concluíram que, se soubéssemos exatamente por que o vaso de petúnias pensou isso, saberíamos muito mais a respeito da natureza do Universo do que sabemos atualmente.”

Estava pensando nesse parágrafo hoje mais cedo. Mais uma vez, a bordo de um avião, olhava pela janela do lado esquerdo para as paisagens.  “Ah, não, outra vez!” Observei o mapa na tela a minha frente, que exibia a trajetória do avião passando por Amsterdã naquele momento, no meu voo entre Moscou e Londres. No dia anterior, voei essa mesma rota, só que o caminho inverso.

DSC04068

“Igual a petúnia, só que o contrário”, pensei. Não sei se estava sofrendo uma crise de alto criticismo ou uma sobrestimativa. Físicos e botânicos possuem visões diferentes sobre o assunto, então não comentarei. Direi apenas que o pouso em Hearthrow foi como devia ser: com Londres plenamente visível pela janela!

Foi ali que eu e A.B. fizemos nossa meia maratona ao longo do Tâmisa semana passada…

Leia em:O que uma petúnia pensou enquanto caia em queda livre?

Rotas aéreas da América do Sul ao Sudeste Asiático

Ir de Cancun no México para Sanya na China nunca será fácil mesmo com as melhores condições climáticas. Mas não é tão difícil assim. De qualquer forma, essa rota se enquadra na categoria das mais complexas. Juntamente com ela, encontramos as rotas que ligam a América do Sul ao Sudeste Asiático: as rotas dificilmente são diretas e a distância é invariavelmente gigantesca.

Por exemplo, voar de Hong Kong, Bangkok ou Kuala Lumpur para Santiago ou Buenos Aires sempre será um teste de paciência no que diz respeito a horas de voo e número de conexões. Enfatizo o sempre porque todas as rotas disponíveis – quatro – levam aproximadamente o mesmo número de horas para serem completadas.

Pergunto:

Quais são essas quatro rotas comerciais bem distintas que ligam o Sudeste Asiático e a América do Sul? (uma delas não voei ainda). Vamos de Hong Kong para Buenos Aires?

World Map

Leia em:Rotas aéreas da América do Sul ao Sudeste Asiático

Photostream do Flickr

Instagram

Do México à China

Atenção! Estamos transmitindo diretamente do aeroporto de Tijuana! Esse é o começo de um reality show sobre um viajante tentando voar do México à China. Bem-vindos a bordo!

O jeito mais conveniente de chegar na China a partir de Cancun é pelo seguinte trajeto: Cancun -> Cidade do México -> Xangai (com parada para abastecer). Infelizmente, dessa vez, essa rota não funcionou. O aeroporto Pudong de Xangai estava fechado por problemas técnicos: uma neblina daquelas. O que nos redirecionou para a cidade mais ao norte do México, Tijuana, à espera da decolagem.

Essa parte do México é bem remota, muita gente nunca virá aqui ou nunca sequer ouviu falar. Isso tudo só serve para deixar a cidade mais interessante. Tijuana é conhecida como a terceira cidade mais próspera do México (atrás de Cancun e da Cidade do México). Isso talvez se deva à proximidade com os Estados Unidos, bem ali do outro lado da fronteira, possibilitando a instalação de diversos tipos de fábrica, ainda mais por conta da estrutura de saúde barata (mas decente). Além disso, é um dos lugares mais criminalizados do México suprindo drogas e imigrantes ilegais para os EUA. Nada bom…olhando para o centro da cidade (da varanda do meu hotel) tudo parece bem tranquilo – lembra lugares como Califórnia e Flórida.

Tijuana-airport-1

Leia em:Do México à China

Insira seu endereço de e-mail para se inscrever no blog